quinta-feira, 27 de setembro de 2007

you came to see the mobscene??



depois de alguns minutos de espera, a escuridão chegou e os gritos de "manson! manson!" ecoavam pelos cantos, até meio vazios, do via funchal. luzes vermelhas, muita fumaça, e aos poucos era possível ver aquela figura esguia, branca e estranha mostrando suas formas em cima do palco.


de casaca e microfone-punhal na mão, marilyn manson chegou em são paulo num clima relax, abrindo o show, na quarta feira 26, com If I Was Your Vampire, canção deprê do último álbum Eat Me Drink Me. (set list abaixo)

cartola, corpete, colete, o guarda roupa (que mudava a cada música) era extenso. mas a atitude chocante, o rasga bíblia, o corta pulso, o anti-cristo, o sangue no olho, já praticamente não existe mais na personalidade de manson. no palco, era possível enxergar uma figura quase serena, um transgressor comedido, um artista maduro.

com a bandeira dos estados unidos ele limpou a bunda. com a do brasil, abraçou-se. um gesto simpático pra quem quase não falou com o público.

na platéia, alguns góticos, alguns sadôs, algumas diabinhas, alguns wannabes. mas mais do que tudo, gente comum, garotos e garotas de tênis e camiseta, alguns senhores de grisalhos cabelos, camarote cheio. na portaria, os protestos cristãos não apareceram, ao invés disso, os humoristas do pânico, querendo zuar os freaks. algo muito diferente da passagem de manson por aqui há exatos 10 anos. prova, talvez, de que não só ele amadureceu.

uma hora e dez de show foi pouco. o bis (uma canção, The Beautiful People) foi mísero! a sensação de "acabou?" foi geral e frustrante.

mas enfim, o anti-cristo voltou.

Set List em São Paulo:

"If I Was Your Vampire"

"Disposable Teens"

"mOBSCENE"

"Irresponsable Hate Anthem"

"Just a Car Crash Away"

"Sweet Dreams"

"Lunchbox" (trecho)

"The Fight Song"

"Putting Holes In Happiness"

"Heart-Shaped Glasses"

"The Dope Show"

"Rock Is Dead"

"The Reflecting God"

Bis: "Beautiful People"

2 comentários:

Tiago disse...

nao da mesmo p nao reclamar do setlist. muito curto para quem tem 7 albuns. ttb axo q n custava nada ele ter rasgado uma biblia, vai. tem tantas aki no brasil . kekekekeke ms foi mt bom mesmo. mt bom o post.

maria l. disse...

senti falta do entertainer manson.
nem um mísero tchauzinho??
pelo preço salgado dos ingressos, o freak deixou a desejar....e muito!
faltou cenário
faltou produção
faltou polêmica!

descaracterizou!

camilita,
saudades! beijinhos da malu!