sexta-feira, 12 de setembro de 2008

forth - a volta do the verve

Depois de dez anos, o álbum Forth marca a volta de um dos mais comentados grupos ingleses da década de 1990, o The Verve. Em 1997, ano em que lançaram o último disco, passaram por bons e maus bocados. Do álbum Urban Hymns, o estrondoso sucesso do single Bittersweet Simphony rendeu-lhes glórias e uma acusação de plágio feita por ninguém menos que Mick Jagger.

Em 2000, foi a hora de se separarem. Em Forth, o clima não é de recomeço, mas de continuidade. A banda mantém o quê depressivo, como em I See Houses, ao mesmo tempo em que apresenta boas canções dançantes, como Love is a Noise, uma reflexão sobre aos conflitos dos tempos modernos.

Em Judas, Richard Ashcrof parece cantar uma ode à retomada. Ainda agüentando firme / Você sabe que o sonho apenas começou, ele diz.

1 comentários:

Fernando disse...

Sou fã do The Verve e estou feliz pela volta da banda. Espero que o conteúdo deste CD seja como a obra prima da CAPA. A propósito parabéns pelo BLOG, muito bom gosto e ótimo conteúdo.